Carta do Amor

*

Por Cida Mello



Querida Maria,

Estou escrevendo essa carta a você para dizer que estou decidido a ir embora do seu coração. Faz pouco mais de 3 meses e você conheceu um garoto, que com seu jeitinho meigo despertou a minha atenção. E foi em um instante de descuido, você deixou alguma porta aberta e simplesmente entrei. Entrei bonito, trouxe comigo DENGO, CARINHO, ALEGRIA e um desejo de ser vivido. Mas passou o tempo e o DESENTENDIMENTO, a DISTÂNCIA a falta da RECIPROCIDADE foram me deixando doente. Eu precisava de ACONCHEGO e só me alimentaram com DISTÂNCIA, INCOMPREENSÃO, DESCUIDO. Fui ficando tão doente que só quem passou a ter coragem de se aproximar de mim foram sentimentos oportunistas como o SOFRIMENTO, a TRISTEZA, a SAUDADE, a IRA, a CARÊNCIA, a IMPACIÊNCIA e a FRUSTRAÇÃO. Querida Maria, eu sei que você tentou me ajudar, sei o quanto amava esse AMOR. Vi como se esforçou para me manter em seu coração. Sei que pediu ajuda de muitos lugares, vi quando chamou a TOLERÂNCIA, A FÉ, A FORÇA, A PERSEVERANÇA, A ESPERANÇA E O TEMPO. Nem eles conseguiram ajudar esse AMOR a se recuperar. No início estranhei, mas depois compreendi por que a ESPONTANEIDADE, a ALEGRIA, O DENGO E O CARINHO foram sendo expulsos aos poucos. E eu logo percebi que o próximo a ser colocado para fora do seu coração seria eu. Pois eu te digo menina, pode ficar tranquila, eu resolvi fazer uma viagem. Vou deixar o seu coração. Esse AMOR precisa de férias. Precisa caminhar por outros corações, onde talvez encontre os alimentos que precisa (a ATENÇÃO, RECIPROCIDADE, CARINHO, TERNURA, ACONCHEGO, PROXIMIDADE). Em meu lugar deixo a SAUDADE e TRISTEZA. Mas quando o seu coração estiver curado da minha ausência, vai ver que os bons sentimentos começarão a te visitar. Espero que seu coração fique bem, e que em breve receba as visitas dos meus melhores amigos, a PAZ, a AMIZADE, a ALEGRIA, a BONDADE, a CONFIANÇA, a ESPERANÇA e a RECIPROCIDADE. Quem sabe assim, quando estiver com o coração bonito e renovado, um outro novo AMOR possa chegar. Foi bom estar com você. Quanto ao menino que despertou a minha atenção, não se preocupe, ele saberá que fui embora do seu coração, pois mandei para ele uma carta também, pelo portador de um conhecido meu, chamado SILÊNCIO.

Grade beijo,

AMOR.


* Imagem: http://www.deviantart.com/art/SpaceEngine-Horsehead-nebula-679632394

Comentários