Os Pitacos do Macho (Parte LVI)

*

Por Marcelo Duarte Souza


Frações

Desvendando teus mistérios,
Perseguindo-a sem critérios,
De igreja a cemitérios,
Teus ciclos, privilégios...

Sempre busco teus suspiros,
Traduzindo enigmas, papiros...
Teu cheiro e até respiros,
Indagando teus delírios...

Pernoitando em tua morada,
Observo! És a noite enluarada...
Sinto brisas encantadas,
Sonho em tê-la enamorada...

(Macho)



Personagens

O Bom, o Carcará,
O Cascavel, o Intocável.

A Poeira, o Mal,
O Sol, o Mocinho.

Os Relinchos, o Céu,
O Vinho, o Pão.

O Padre, o Casamento,
A Morte, o Nascimento.

A Fera, as Flores,
As Botas, o Adeus.

A Bela, o Ódio,
A Partida, os Reencontros.

As Mágoas, a Dor,
O Choro, o Amor...

(Macho)



Engodo

Existe o Cúmulo e existe também o Ridículo.
Um significa auge, máximo, topo.
O outro significa mesquinho, digno de riso.
E tem sempre alguém querendo aparecer mais que pode, tem sempre alguém querendo se passar por superior sem saber onde fica o próprio umbigo, tem sempre alguém com medo de ver o outro crescer, colocando sempre a culpa dos seus erros no outro, e por aí vai...
Esses acham que todo mundo é bobo e que só eles são os espertos, os maiorais!!
E ainda quer que os outros batam palmas.
Daí a expressão “Cúmulo do Ridículo”.

(Macho)



Tu

Que seu brilho seja pleno,
Sua presença uma constante,
Seu sorriso duradouro,
Seus desejos dominantes...

Que seus sonhos sejam lindos,
Seus temores esmagados,
Suas penas sejam brandas,
E seus planos alcançados...

Que sua vida seja longa,
Seus talentos preservados,
Suas lembranças sejam belas,
Seu amor abençoado...

(Macho)


* Imagem: http://www.deviantart.com/art/Childhood-by-Leonid-Afremov-607367447

Comentários